COMPRE CRÉDITOS
PARA 2024

 

 

 

Garanta desconto especial para fazer inscrições no Prêmio ABRE 2024!

Ao comprar os créditos antecipados para inscrições de embalagem no Prêmio ABRE 2024, você garante um valor com desconto especial. Cada crédito comprado equivale a compra da inscrição de 01 (uma) embalagem. Você compra o crédito agora e pode utilizá-lo até o término das inscrições.

Compre aqui!

Créditos antecipados

Até 04/03


Valor de cada crédito
Associado ABRE
de R$ 700,00
por R$ 530,00
Não Associado ABRE
de R$ 820,00
por R$ 650,00

1º Lote

De 05/03 a 10/05


Valor de cada crédito
Associado ABRE
de R$ 700,00
por R$ 630,00
Não Associado ABRE
de R$ 820,00
por R$ 750,00

2º Lote

De 11/05 até o final das inscrições


Valor de cada crédito
Associado ABRE
R$ 700,00
Não Associado ABRE
R$ 820,00

 

 

 

O Prêmio ABRE da Embalagem Brasileira é o grande evento de reconhecimento da excelência da embalagem brasileira, contando com a expertise e chancela da ABRE - Associação Brasileira de Embalagem.

Participe da 24º edição e conquiste o reconhecimento do Prêmio ABRE, fortalecendo a imagem da sua embalagem, empresa e profissionais!

Em breve novo site com o regulamento de 2024 e inscrições abertas!


Reconhecimento da excelência da embalagem brasileira. Participe!




















VENCEDORES 2023

Ouro
Prata
Bronze
Grand Prix









CONSELHO DE JURADOS 2023

PRESIDENTES DO JÚRI 2023

JURADOS 2023

 

 

 

Gabriel Lopes

Presidente

Abedesign

• Founder CEO @Empathy
• Presidente @ABEDESIGN
• VP adj de Cultura e tecnologia @CCBC
• Professor da pós de engenharia de embalagens na Mauá
• Criador do eco sistema de inovação Be Open Techshop

Designer, professor e cientista aficionado por tecnologia. Agente da inovação apaixonada por desafios.
Formado em Design com especialização em embalagens e artificial intelligence e data science pela Universidade de Chicago. Gestor de inovação certificado pelo festival de inovação de Boston.

@Empathy. Human of things




Ronald Nossig

Diretor Executivo

SBVC

• Vice-Presidente da SBVC (Sociedade Brasileira de Consumo e Varejo)
• Sócio fundador da OASISLAB
• Sócio idealizador da VAREJO180
• Conselheiro da ACSP
• Conselheiro do CONIN – PATEO76
• Membro da Governança do Comércio de Londrina




Silvia Dantas

Diretora

CETEA/ITAL/SAA

• Engenheira de Alimentos, Mestre em Ciência de Alimentos e Doutora em Tecnologia de Alimentos pela Faculdade de Engenharia de Alimentos da Universidade Estadual de Campinas.
• Pesquisadora Científica VI do Instituto de Tecnologia de Alimentos.
• Diretora do Centro de Tecnologia de Embalagem (Cetea).

Tem experiência na área de Ciência e Tecnologia de Alimentos, especialidade Embalagens, com ênfase em interações produto / embalagem, aspectos regulatórios e a segurança de alimentos e desempenho físico-mecânico de embalagens. Atua em avaliação de Sistemas de Gestão da Qualidade pela norma NBR ISO/IEC 17025. É vice-presidente da Associação Internacional dos Institutos de Pesquisa em Embalagem (Iapri) e membro do Conselho Editorial do jornal internacional Packaging Technology & Science da Editora Wiley.




Bruno Pereira

Fundador

Ecopopuli

Proponente da Sustentabilidade Positiva: Rentável, fácil, encantadora e que resolve. Coordenador do Comitê de Sustentabilidade da ABRE e agente de transformação pela Ecopopuli.




Cristina Sartoretto

Pesquisadora do Centro de Inovação

FGVin

Possui Doutorado em Administração de Empresas pela Escola de Administração de Empresas da Fundação Getúlio Vargas - EAESP FGV, MBA pela FIA e Graduação em Engenharia de Alimentos pela UNICAMP. Experiência nas áreas de Inovação, Pesquisa e Desenvolvimento, Projetos de Inovação e Sustentabilidade, Marketing, Novos Negócios e Vendas, adquirida em indústrias de embalagens - Avery Dennison e Bemis (atual Amcor) e de alimentos - J. Macêdo, Bunge, Nestlé, Bestfoods (atual Unilever) e BRF. Atua como professora em Institutos de Ensino e Pesquisa como FGV, Cetea, Ital, IMT - Instituto Mauá de Tecnologia, Estácio e ministra diversos cursos de embalagem da ABRE. É pesquisadora no Centro de Inovação da Fundação Getulio Vargas - EAESP FGV, Gestora de Parcerias do Centro de Ciência para o Desenvolvimento (CCD) Soluções para os resíduos pós-consumo: embalagens e produtos - CCD Circula - FAPESP, onde é líder do projeto "Impacto Social e Inovação: o papel dos Catadores na Economia Circular".




Dandara Almeida

Diretora de Criação

Tátil Design e ADG Brasil

Dandara Almeida é baiana, designer há 20 anos e hoje atua como diretora de criação na Tátil Design.

Desde 2018 faz parte da diretoria da ADG Brasil, onde atuou na coordenação da 113ª Bienal de Design Gráfico no Museu Oscar Niemeyer em Curitiba -PR.

No ano de 2022 Dandara assumiu a presidência do júri na categoria Destaques do ano no Brasil Design Award e em 2023 foi júri no D&AD.




Edmour Saiani

Sócio Fundador

Ponto de Referência

Estudou engenharia no ITA.

Fez até foguete, mas resolveu praticar outra engenharia: de gente.

Fez CEAG em Marketing pela FGV.

Como executivo, evoluiu de engenheiro até CEO.

Resolveu empreender.

Fundou a Ponto de Referência, consultoria que ajuda marcas a construírem ecossistemas de atendimento: a formarem Times num ambiente, atitude e atendimento que conquiste cada vez mais Clientes por cada vez mais tempo.

Palestrante, Consultor, Conselheiro, Mentor e Autor dos livros




Mathieu Reverte

Sócio Diretor

Team Créatif

Graduado em Marketing & Comunicação na Universidade de Bangor & Master in Management na Rennes School of Business, trabalha há mais de 25 anos com design, branding & embalagem.
Apaixonado por criatividade, acredito no poder transformador do design & no seu papel em construir uma sociedade mais justa e solidária.
Depois de ter trabalhado em grande agências francesas de design, Mathieu se mudou para Brasil há 16 anos atrás. Desde então, viajou intensivamente em todo pais. e trabalhou com empresas brasileiras de vários segmentos, com foco grande em bens de consumo & alimentos.




Amanda Ortolani

Expert em Embalagem

Formada em Tecnologia Gráfica pela Faculdade SENAI de São Paulo e pós graduada em Administração Industrial pela Escola Politécnica da USP. Tem mais de 20 anos de experiência no segmento de embalagens, coordenando projetos de desenvolvimento de embalagens para as marcas próprias do varejo em diversas categorias de produtos alimentares e não alimentares. Foi responsável pela estruturação e liderança do Programa de Economia Circular de embalagens de marca própria.




André Verçosa

CFO

Oáz

Executivo sênior em Finanças, Operações e Administração, com sólida experiência em empresas multinacionais de médio e grande portes, empresas de
capital aberto, e startups. Experiência em empresas familiares, relacionamento com Conselhos Consultivos e de Administração, e empresas investidoras de fundos de Private Equity.
Gosta de projetos de reestruturação (turnaround) que englobam profissionalização da mão de obra, implantação de processos de Governança e Compliance, implantação de sistemas de gerenciamento integrado (ERP), implantação de princípios contábeis internacionais (IFRS), implantação de processo orçamentário (Budget, Real x Orçado), elaboração de Business Plan e Valuation.
Ao longo da carreira, teve a oportunidade de trabalhar em diversos segmentos, tais como: Varejo, Telecom, Indústria, Construção Civil pesada, Real Estate, Saúde e bem-estar, Serviços e Turismo. Na grande maioria das vezes, embora sempre tenha sido ligado diretamente na área de Finanças, atuou junto com as áreas de Operações, Marketing e Comercial, contribuindo na viabilização de novos negócios e na geração de oportunidades.
Essas experiências o tornaram um profissional com perfil resiliente e consultivo.
Vem desenvolvendo uma visão mais estratégica ao longo dos últimos anos, ao se aproximar de Conselhos de Administração e da gestão de stakeholders.




Antonio Cabral

Coordenador Pós graduação

Instituto Mauá de Tecnologia

• Engenharia de Alimentos – UNICAMP
• Mestrado Food Science/Packaging – RUTGERS UNIVERSITY
• Especialização Marketing – FGV
• Doutorado Engenharia de Produção – POLI/USP
• Empresas: RMB, Copersucar, Bunge, Best Foods, Unilever
• Instituições ensino e pesquisa: CETEA/ITAL, Mauá

Atualmente:
• Coordenador Pós-graduação em Engenharia de Embalagem
• Coordenador Pós-graduação em Indústria 4.0
• Diretor Pack&Strat Engenharia e Estratégia de Embalagem




Camila Mattos

Gerente de Design

Tátil Design

Formada em Desenho Industrial pela FAAP, trabalhou em agências como Ana Couto Branding, Pharus Design e Rebu com clientes nacionais e internacionais. Interessada em materialização de processos criativos intuitivos manuais, focada em buscar abordagens visuais para criar projetos gráficos expressivos e conceituais com propósito.

Tem experiência que vai desde design de marcas corporativas à instalações artísticas, por isso elabora projetos detalhados de design para fins de comunicação digital, editorial e visual. Hoje, atua como gerente de design na Tátil.




Cesar Góes

Designer Gráfico Sênior

Tátil Design

Designer gráfico baseado em São Paulo, especializado em criar narrativas visuais para diferentes mídias desde 2012, com foco em identidade visual, design de embalagens, interfaces, branding e estratégia. Adora um desafio e usa criatividade para conseguir soluções inovadoras e eficazes que atendam às necessidades de cada marca. Trabalhou com marcas como Discovery Channel, NIVEA, Kimberly-Clark, Ipiranga, Nestlé, Panco, Grupo Pão de Açúcar, Hershey´s, Sadia, Itaú, Danone, entre outras.




Cezar Mourtada

Coordenador de embalagem

Unilever

Cezar Mourtada Anselmo é Coordenador de Desenvolvimento de Embalagens

Graduado em:
Publicidade e Propaganda – PUC Campinas
Medicina Veterinária – Faculdade Anhanguera Campinas

Na Unilever:
Desde Agosto/ 1995 – completando 28 anos
Há 26 anos em Desenvolvimento de Embalagens, em diversas categorias, trabalhando em projetos de Inovação e Sustentabilidade, passando por times com escopo Local (BR), Regional (LatAm), e Global. Trabalhando em tecnologias distintas como: Cartão, filmes flexíveis, Rígidos (Sopro e Injeção).

Em Personal Care: Sabonetes em barras (After Sport, Vinólia, English Lavander Atkinsons), Skin care (Pond’s, Vasenol, Vinólia), Oral Care (CloseUp, Signal, Gessy Cristal)

Em Home Care: Laundry (Omo, Brilhante, Skip)

Atualmente em Nutrition: Dressings (Hellmann’s e Arisco)




George Homer

Presidente

GH & Associados

Designer, Mentor Especialista em Varejo, Professor e Palestrante Internacional, atua há mais de 30 anos na área de visual marketing. É sócio fundador da GH & ASSOCIADOS e desde então desenvolve projetos de store branding, store environment setup e retail performance design em países como Brasil, EUA, Inglaterra, Turquia, Colômbia e Tailândia. Homer contribui para escolas como FIT • New York, ISEM/Navarra • Madrid, FAAP • São Paulo, FGV • São Paulo, FDC • São Paulo e Presidente Fundador e Conselheiro do Retail Design Institute • Brasil.




Laurence Botinhon

Gerente de P&D LatAm

Sig Scholle

Graduado em Engenharia de Alimentos pela Universidade Federal de Viçosa - MG, com cursos de especialização em gestão de projetos, análise de riscos, gestão de pessoas e embalagens, autor de artigos científicos em pesquisa e desenvolvimento de alimentos.

Há mais vinte e cinco anos na área industrial, atuando como executivo em empresas multinacionais e nacionais de grande porte, como ARISCO, BESTFOODS, UNILEVER, HYPERMARCAS, VIGOR, KRAFT HEINZ E SIG GROUP, com sólida experiência nas áreas pesquisa e desenvolvimento de embalagens, produtos e processos para alimentos, cosméticos e saneantes, onde lançou mais de 500 produtos em mais de 120 projetos.

Possui conhecimento em framework de meio ambiente, segurança, saúde ocupacional e qualidade.

Premiado por entidades nacionais e internacionais de embalagens como ABRE, Embanews, WPO, FOX e EmbalagemMarca, com 27 projetos.

Atualmente exerce o cargo de Gerente de Engenharia e Desenvolvimento LatAm na SIG GROUP Divisão Bag & Pouchs, no seguimentos de Cartonados Assépticos, Bag in box, Pouchs premade, Closures, Filmes técnicos, Envasadoras assépticas.




Leandro Andrade

Especialista em P&D

Grupo Boticário

Graduação: Bacharel e Licenciatura em Química – (Mackenzie)
Pós Graduação: Pós Graduado em Engenharia de Embalagens – (Mauá)
Tempo de Boticário: 3 Anos
Atuação nas categorias: Perfumaria Feminina e Masculina
Experiência Profissional em Desenvolvimento de Embalagem: 20
anos;
• Atuou na empresa Reckitt Benckiser,
• Atuou na empresa JBS (Seara),
• Atuou na empresa Hypermarcas,
• Atuou na empresa Vizcaya Cosméticos S/A,
• Atuou na empresa Natura Cosméticos S/A,
* Sobre
Graduado em Química com especialização em Engenharia de Embalagens
possuindo 20 anos de experiência profissional na área de embalagens nos
segmentos (Cosmético, Alimentício e Limpeza). Sólida experiência nas
tecnologias: (vidros, válvulas, metálicos, injeção, sopro, papelão,
adesivos, grampos, laços, barbantes, ribbon, fitas de arquear/ adesivas,
costurados, madeira e materiais gráficos e flexíveis).




Marcos Iório

Diretor

Circoolar Projetos Regenerativos

Vice-Diretor do Centro de Ciência e Desenvolvimento – Circula (FAPESP)
Diretor da consultoria Circoolar Projetos Regenerativos
Professor de Economia Circular para embalagens na ABRE e Instituto Racine
Cofundador da comunidade Donut Economy Brasil
Coordenador do coletivo de plantio ReflorestaVinhedo.org

Engenheiro Químico pela UFPR com Extensões em Biomimética, Design Thinking, Inovação e Sustentabilidade. Especialista em conectar alta tecnologia, responsabilidade socioambiental e modelagem de negócios.
Mentor e Curador de Inovação, ESG e Economia Circular.




Mariane Rodrigues

Gerente de Design

Team Creatif

Mariane Rodrigues é designer formada pela UFSM em Desenho Industrial - Programação Visual. Com uma trajetória bastante multidisciplinar, desenvolveu visão macro e olhar estratégico, que combina ao seu processo criativo para desenvolver projetos com foco em inovação. Hoje, atua como Gerente de criação na Team Créatif, liderando uma equipe em projetos de branding e embalagem para grandes marcas como Sebrae, Hershey´´s, Heinz, Ambev, entre outras, além dos projetos de design social.




Maysa Dutra

Gerente Sr. de P&D Embalagens para Bebidas na América do Sul

Pepsico

Maysa Kondarzewski Dutra, formada em Engenharia Bioquímica, trabalha com embalagens desde 2004, passando por empresas como Henkel, Perdigão, BRF.
Desde 2010 está na empresa PepsiCo, hoje é Gerente Sr. de P&D Embalagens para Bebidas na América do Sul.
Em 2022 obteve a Certificação de Profissional de Embalagem (CPP) pelo IoPP..
Mãe da Rebecca e do Nicolas, tem como hobbies tocar piano e fazer exercícios.




Patricia Watson

Diretora de Criação

Tátil Design

Patricia Watson é diretora de criação na Tátil Design, com 19 anos de experiência criando universos visuais, unindo conceitos, narrativas e poéticas através de um olhar holístico, estratégico e sistemático. Sua atuação transita entre projetos de branding e design para grandes marcas como Natura e Coca-Cola, e projetos culturais, educacionais e sociais como as parcerias com o Dynamic Encounters e Identidades da Cena. Diversas vezes premiada pelo Brazil Design Award, IF Design Award e Dieline Awards; presente na Bienal Ibero-americana de Design e Bienal ADG de Design, por suas mãos passaram projetos de diferentes escalas e impactos, sempre com uma característica em comum: o foco no processo de criação, baseado em uma profunda imersão e abrangente experimentação.




Paula Bócoli

Pesquisadora

CETEA/ITAL

Mestre em Engenharia Mecânica com ênfase em Materiais e Processos de Fabricação pela FEM-Unicamp e pós graduada em Ciência e Tecnologia de Alimentos pela FEA-Unicamp. Pesquisadora no Cetea/Ital desde 2013, atuando nas áreas de caracterização de materiais por Microscopia Eletrônica de Varredura (MEV/EDX), embalagens de vidro para os setores alimentício e farmacêutico e embalagens para produtos para saúde.




Paulo Kiyataka

Pesquisador

CETEA/ITAL

Técnico em química pela Etecap. Engenheiro de alimentos pela Faculdade de Engenharia de Alimentos da Unicamp (FEA/Unicamp). Mestrado e doutorado em ciência de alimentos pela FEA/Unicamp. Atualmente é pesquisador científico do Centro de Tecnologia de Embalagem (Cetea) do Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital). Tem experiência na área de ciência e tecnologia de alimentos, com ênfase em embalagens, atuando principalmente nos seguintes temas: legislação de embalagens para contato com alimentos e produtos farmacêuticos.




Pedro Mattos

Sócio Fundador

REBU

Pedro é artista gráfico, co-fundador e head de design no Rebu. Apaixonado por cartazes e publicações independentes, sua pesquisa e experimentação artística contribui para sua visão no desenvolvimento de sistemas de identidade.
Nos últimos 14 anos, liderou e desenvolveu projetos de branding em algumas das maiores consultorias e agências de branding do Brasil e América Latina, incluindo Mesa, Interbrand, Kantar Consulting, Futurebrand e Almap BBDO, trabalhando para marcas como Youtube, Nike, Itaú , Havaianas e Natura.
No Rebu, criou marcas do zero, como Dengo, Nude, Trela e Cuia, além de rebranding de marcas como Inter, Petlove, Bacio Di Latte e Future Pet
Pedro também foi curador do concurso de cartaz Museu da Casa Brasileira, professor da Miami Advertising School e membro do Type Directors Club de Nova Iorque.
Também tem trabalhos reconhecidos em premiações como o Type Directors Club NYC, Latin America Design Awards, IF Design Awards, Best of Behance, Brasil Design Awards, Bienal ADG, Cartaz Museu da Casa Brasileira, Trnava Poster Triennial x 2, Golden Bee Poster Biennial, Greenpeace Design Awards Poster e File Media Art.




Priscylla Nunes

Sócia Fundadora

PSNDesign

Especialista em criação de marcas e embalagens. Graduada pela UTFPR - Universidade Federal Tecnológica do Paraná e especialista em Desenvolvimento de Embalagem através do MBA da FACAMP. Enquanto dirige o seu próprio estúdio de design, também co-administra o Curso de Design de Embalagem, Rotulando®. Além disso, é co-autora do livro Rotubook, um guia de design de embalagem que está nas principais livrarias do Brasil. Entre os principais prêmios de sua carreira está o Ouro no Prêmio DNA Paris Design Awards (2022), Prata no Prêmio ABRE de Embalagem Brasileira (2022) e Bronze no Prêmio ABRE de Embalagem Brasileira (2022).




Raphael Guiguer

COO

GreenPlat

Engenheiro Civil pela PLIO-USP / Politecnico di Torino e MBA em Gestão de negócios pela FGV-SP, atuou inicialmente na gestão de projetos de infraestrutura. Em seguida, mirou para relações governamentais, corporativas e internacionais, participando do desenvolvimento de novos negócios com ênfase em projetos de infraestrutura com players internacionais na LATAM. Participou de conselhos internacuionais como Conselho Empresarial dos BRICS e entidades de classe de infraestrutura. O espírito empreendedor e busca constante por oportunidades de negócios, o levaram a criar uma consultoria para promover negócios e M&A com parceiros chineses e russos. Desde 2018 participa da (R)evolução da GreenPalt, combinando experiências em grandes empresas e starups, para desenvolver soluções e negócios para acelerar a produção sustentável e economia circular.




Regys Lima

Gerente de Criação

Tátil Design

Designer multimídia, apaixonado por tipografia, fotografia, cinema e motion design.
Atua como Gerente de Criação na Tátil Design, liderando e apoiando times no desenvolvimento de identidades visuais, embalagens projetos editoriais, animações e produtos digitais para marcas que buscam no design soluções criativas e estratégicas.




Ricardo Sastre

Diretor

Mudrá

Publicitário, especialista em expressão gráfica e gestão empresarial; Mestre em design; Doutor em Engenharia de produção e pós-Doutorando em Design, pesquisador e professor universitário. Diretor da Mudrá Design.




Rodrigo Leme

Fundador e Diretor de Estratégia

Grupo Criativo

Fundador e Diretor de Estratégia no Grupo Criativo

Graduado em Arquitetura e Urbanismo pela UFRGS em 2000, Sócio fundador do Grupo Criativo em 2011, Diretor de Estratégia, atua em modelagem de negócios através das metodologias do design, Professor no MBA em Design de Serviços do La Salle Business School, Pós- Graduado no MBA Executivo Internacional da ESPM - ênfase em ciências de consumo, Certificado pela Universidade de Coimbra em Estratégias e Marketing em cenário global.

Ex-Presidente da Apdesign - Associação dos profissionais de design do RS (gestão 2015 a 2018)

Diretor Sul ABEDESIGN

Vencedor Profissional do ano no 8º Prêmio Bornancini 2020




Vanessa Queiroz

Co-fundadora, designer e novos negócios

Colletivo

Vanessa Queiroz é designer, diretora criativa, empresária e professora.

Sócia há 20 anos do Estúdio Colletivo de Design e há 10 anos da agência de Publicidade Moonstro, já ministrou mais de 200 palestras no Brasil e Argentina,

Em 2022 foi uma das 30 vozes da lista dos comunicadores que mudaram o mercado e em 2014 foi listada como um das 50 pessoas mais inovadoras em comunicação e marketing pela Revista Proxxima.

Atualmente Vanessa é Diretora do Prêmio Brasileiro de Design, o BDA da ABEDESIGN,
maior premiação de design brasileiro e conselheira da ADG Brasil (Associação de Design Gráfico do Brasil).




Walnice Carnevale

Expert em embalagem

Engenheira Química, pós-graduada em Engenharia de Embalagens.

Em seus mais de 25 anos de atuação, liderou agendas de inovação e sustentabilidade em empresas multinacionais de grande porte entregando soluções para diversas marcas, como Omo, Hellmanns, Lux, Knorr e Heinz.

Trabalhou por mais de 2 anos na startup Boomera desenvolvendo modelos de negócios de economia circular para grandes empresas do setor de embalagens, de fabricante de matéria prima a convertedores e Brand Owner.




PATROCÍNIO DIAMANTE 2023

PATROCÍNIO OURO 2023

APOIO ESPECIAL 2023

CONSELHO DE JURADOS 2023

PARCEIROS DE MÍDIA 2023

REALIZAÇÃO





CONTATO

premio@abre.org.br







REGULAMENTO 2023




O Prêmio ABRE da Embalagem Brasileira está em sua 23ª edição e tem como objetivo principal eleger as embalagens que se destacam como ícones de excelência no mercado brasileiro.

O Prêmio ABRE da Embalagem Brasileira ressalta, entre outros aspectos:

  • Inovação: criatividade; diferenciação tecnológica; forma; material; processo
  • Funcionalidade: ergonomia; sistema de abertura e fechamento; empilhamento; utilização e aproveitamento do produto; transporte; forma e estrutura
  • Qualidade: segurança; resistência; matérias-primas utilizadas; impressão
  • Apelo de venda: objetividade de posicionamento do produto em sua categoria
  • Atratividade: boa relação entre design gráfico e design estrutural
  • Sustentabilidade: eficiência dos processos de produção e distribuição, otimização dos recursos naturais, proteção eficiente do produto e a otimização do seu uso, aplicação da simbologia técnica, entre outros pontos que compõem as “Diretrizes de Sustentabilidade publicada pela ABRE”.
  • Competitividade dos produtos brasileiros para exportação.
  • Por meio da premiação do troféu OURO, PRATA e BRONZE, o Prêmio ABRE confere aos vencedores o mérito pela excelência no desenvolvimento da embalagem, promovendo a valorização nacional e internacional das empresas envolvidas e suas embalagens.

Inscrições até 30 de junho de 2023

  • Agências de design de embalagem
  • Fabricantes de produto (donos de marca)
  • Redes de varejo
  • Fabricantes de:
    • Embalagens
    • Máquinas e equipamentos
  • Fornecedores de:
    • Insumos
    • Mátérias-primas
    • Acessórios

Podem ser inscritas na 23ª edição do Prêmio ABRE embalagens desenvolvidas ou reprojetadas entre o período de:


1º de janeiro de 2022 a 30 de junho de 2023 e que já estejam em circulação no mercado nacional.
Exceção feita à categoria Exportação, categoria dedicada à inscrição de embalagens criadas e/ou produzidas no Brasil para o mercado internacional.

 

Importante

  • Apenas embalagens que concorrem no Módulo Design Gráfico podem ter sido fabricadas fora do Brasil, pois o que estará sendo avaliado será o visual e não o processo de fabricação.





4.1. Módulo Embalagem e Mercado

Este módulo avalia a embalagem como um todo levando-se em consideração aspectos como: a inovação e a criatividade do design da embalagem, harmonia e clareza das informações, sintonia e unidade dos componentes da embalagem (corpo, rótulo e tampa), apelo de venda, objetividade de posicionamento do produto em sua categoria, inovação e qualidade da embalagem em relação à sua estrutura e materiais, ergonomia, funcionalidade, sistema de abertura e fechamento, higiene, segurança, impressão, aproveitamento do produto, e entre estes aspectos, a contribuição para fortalecer o valor da embalagem e a contribuição ambiental do setor.


Categorias

  1. Alimentos doces
  2. Alimentos salgados
  3. Bebidas alcoólicas
  4. Bebidas não alcoólicas
  5. Limpeza doméstica
  6. Cosméticos e higiene pessoal
  7. Perfumes
  8. Food service, delivery e take away
  9. Produtos em geral
  10. Embalagem para MPE’s
  11. Família de produtos
    Será considerado família: produtos com 02 (duas) ou mais variações de características e de estrutura e/ou formato de embalagens. Exemplos: xampu, condicionador e máscara; linha de maquiagem; sabão líquido e em pó, entre outros.
  12. Promocional
    Embalagens desenvolvidas especificamente para eventos, datas comemorativas, distribuição de brindes e amostras, como por exemplo: embalagens para o Natal, Páscoa, Dia das Mães, embalagens desenvolvidas para um lançamento de produto, ou seja, embalagens que não sejam de linha, que são criadas para uma ocasião especial.

Critérios de avaliação para todas as categorias do Módulo Embalagem e Mercado

  • Design gráfico
  • Formato
  • Funcionalidade
  • Diferencial tecnológico
  • Inovação
  • Sustentabilidade
  • Comunicação e experiência do consumidor
  • Performance no varejo e na cadeia de abastecimento

4.2. Módulo Design Gráfico

Este Módulo avalia critérios específicos do design gráfico: aspectos visuais, inovação, linguagem, impacto comercial, diferenciação, pertinência conceitual, comunicação, informação, hierarquia entre elementos, e entre estes aspectos, a contribuição para fortalecer o valor da embalagem.


Categorias

  1. Alimentos doces
  2. Alimentos salgados
  3. Bebidas não alcoólicas
  4. Bebidas alcoólicas
  5. Cosméticos, perfumes e higiene pessoal
  6. Produtos em geral
  7. Família de produtos
    Será considerado família: produtos com 02 (duas) ou mais variações de características e de estrutura e/ou formato de embalagens. Exemplos: xampu, condicionador e máscara; linha de maquiagem; sabão líquido e em pó, entre outros.
  8. Redesign de alimentos e bebidas
  9. Redesign de produtos em geral

Critérios de avaliação para todas as categorias do Módulo Design Gráfico
  • Qualidade e inovação do design gráfico
  • Diferenciais do design gráfico
  • Inovação
  • Comunicação e experiência do consumidor


4.3. Módulo Design Estrutural e Tecnologia

Este módulo avaliará o projeto da forma, a funcionalidade e as tecnologias aplicadas à embalagem, conforme descrição das categorias e entre estes aspectos, a contribuição para fortalecer o valor da embalagem e a contribuição ambiental do setor.


Categorias

  1. Forma
  2. Funcionalidade
  3. Tecnologia

Critérios de avaliação


Categoria Forma
  • Formato
  • Sustentabilidade
  • Inovação
  • Diferencial tecnológico
  • Agregação de valor e experiência do consumidor
  • Performance no varejo e na cadeia de abastecimento

Categoria Funcionalidade
  • Funcionalidade
  • Inovação
  • Diferencial tecnológico
  • Sustentabilidade
  • Comunicação e experiência do consumidor

Categoria Tecnologia
  • Funcionalidade
  • Diferencial tecnológico
  • Inovação
  • Sustentabilidade
  • Eficiência


4.4. Módulo Estratégico


Categorias

Sustentabilidade

Tem como objetivo eleger as embalagens que trabalham com eficiência os processos de produção e distribuição, otimizam os recursos naturais, oferecem proteção eficiente do produto e a otimização do seu uso, aplicam a simbologia técnica de descarte seletivo, entre outros pontos que compõem a Cartilha “Diretrizes de Sustentabilidade” publicada pela ABRE.

Critérios de avaliação da categoria Sustentabilidade
  • Benefício ambiental
  • Desafios enfrentados
  • Inovação
  • Diferencial em sustentabilidade da embalagem e sua relevância
  • Destinação no pós-consumo (Reuso, Reciclagem, Separação clara)
  • Eficiência da embalagem, materiais, distribuição e/ou produção
  • Maximização do uso do produto

Soluções para Varejo e E-commerce

Essa categoria avaliará critérios específicos, importantes e estratégicos para o comércio eletrônico e para o varejo tradicional, como por exemplo, desafio e eficiência operacional e logística, qualidade da proteção, apresentação e valorização da marca no PDV ou na entrega ao consumidor, soluções que otimizem a organização dos produtos em gôndola e que agreguem pilares de sustentabilidade calcados na otimização e eficiência, redução de perdas, potencial de reciclabilidade e orientação ao consumidor sobre o descarte adequado da embalagem.

Critérios de avaliação da categoria Soluções para Varejo e E-commerce
  • Adequação à sustentabilidade
  • Apresentação e valorização da marca
  • Inovação
  • Diferencial tecnológico
  • Eficiência logística
  • Fração/volume/quantidade adequada ao Canal
  • Eficiência operacional neste canal
  • Melhoria em usabilidade e funcionalidade
  • Qualidade de proteção (segurança, Inviolabilidade, resistência, matérias-primas, impressão)

Marketing & Branding

A inscrição nessa categoria é EXCLUSIVA PARA BRAND OWNERS.

Essa categoria está aberta à participação exclusiva da indústria de bens de consumo (brand owners) que inseriu a embalagem em sua estratégia de branding: criação de valor e experiência da marca por meio da embalagem.

Critérios de avaliação da categoria Marketing & Branding
  • Inovação
  • Capacidade de comunicar conceitos e ideias sem o apoio de outras mídias
  • Clareza na comunicação do posicionamento da marca/produto
  • Identidade: visual / corporativa
  • Impacto: criatividade / inovação / posicionamento inovador dentro deste segmento
  • Oportunidade de mercado: a embalagem como estratégia de oportunidade (momento / evento / nicho)

Exportação

Embalagens criadas e/ou desenvolvidas no Brasil para o mercado exterior. Esta categoria avaliará a embalagem como ferramenta de competitividade para os produtos brasileiros para exportação. Será avaliada a qualidade da embalagem, funcionalidade, comunicação gráfica estratégica com foco nos mercados alvo, qualidade de impressão, agregação de valor ao produto a ser exportado e seu posicionamento estratégico.

Critérios de avaliação da categoria Exportação
  • Valor agregado ao produto exportado
  • Apelo de venda frente ao público-alvo / objetividade de posicionamento do produto em sua categoria
  • Inovação
  • Eficiência logística
  • Clareza das informações

4.5. Módulo Especial


Categorias

Estudantes

A Categoria para Estudantes está aberta a estudantes devidamente matriculados em cursos brasileiros regulares de graduação, pós-graduação, extensão, especialização, entre outros, presencial ou online, das áreas de design, desenho industrial, engenharia de embalagem e afins.

Critérios de avaliação da categoria Estudantes
  • Design gráfico
  • Formato
  • Funcionalidade
  • Diferencial tecnológico
  • Inovação
  • Sustentabilidade
  • Comunicação e experiência do consumidor

Embalagens para a redução de perdas e desperdício de alimentos

A inscrição nessa categoria está vinculada à inscrição de embalagem(ns) em uma ou mais categorias, voltadas ao segmento de alimentos, dos módulos Embalagem e Mercado, Design Gráfico, Design Estrutural e Tecnologia e/ou Estratégico. Veja as informações no item 5 deste Regulamento, em Procedimentos para Inscrição.

Critérios de avaliação da categoria Embalagens para a redução de perdas e desperdício de alimentos
  • Contribuição para redução de perdas/desperdício de alimentos
  • Desafios para implementar a solução
  • Envolvimento da cadeia de distribuição
  • Envolvimento da cadeia de suprimentos na implementação
  • Orientação ao consumidor para redução do desperdício de alimentos

Voto Popular

Essa categoria é vinculada a inscrição de uma ou mais embalagens em quaisquer categorias dos módulos Embalagem e Mercado, Design Gráfico, Design Estrutural e Tecnologia e/ou Estratégico. Veja as informações no item 5 deste Regulamento, em Procedimentos para Inscrição.

Critério de avaliação da categoria Voto Popular
  • Nessa categoria, a embalagem será avaliada pelo consumidor que terá a disposição, em site específico, a imagem e um texto resumido da defesa da embalagem.

Importante

Não existe a possibilidade de fazer a inscrição de uma ou mais embalagens diretamente nas categorias "Embalagens para a redução de perdas e desperdício de alimentos" e "Voto Popular". Acesse o item 5. Procedimentos de inscrição deste regulamento e saiba como participar.


a) Procedimentos para inscrição nos Módulos:

• Embalagem e Mercado
• Design Gráfico
• Design Estrutural e Tecnologia
• Estratégico


Ficha de inscrição

É obrigatório o completo preenchimento da ficha de inscrição para cada embalagem ou família de embalagem inscrita, via internet – www.premioabre.org.br.


Observação importante

O texto de defesa da embalagem é uma das principais ferramentas que o jurado tem para avaliar a embalagem inscrita, portanto, é fundamental que ele seja bem escrito e detalhe de forma clara, todos os diferenciais de embalagem, sejam eles técnicos, de design gráfico, funcionais, etc.

No texto de defesa, em especial no campo “Descrição do Projeto”, seja breve e claro, pois nesse campo você está limitado a 500 caracteres. Não use texto publicitário. Traga na sua defesa respostas para perguntas como:

  • Para que serve?
  • Qual problema ele resolve?
  • Qual é o benefício para o usuário?
  • O que o torna único em comparação com projetos semelhantes?
  • Quais os principais diferenciais em design, inovação, tecnologia, funcionalidade?
  • Por que o júri deve premiá-lo?


Mídia a ser enviada junto com ficha de inscrição


Importante!

Quanto mais imagens foram anexadas à ficha de inscrição mais fácil será a avaliação dos jurados, assim como o vídeo, que não é um material obrigatório, mas contribui para o entendimento do projeto e avaliação do júri.

FOTO/IMAGENS para o Julgamento e Galeria de Inovação em Embalagem (que fica no site da ABRE e do Prêmio)
Atenção
  • Não insira texto adicional na imagem como legendas ou títulos
  • É obrigatória a inclusão de ao menos uma imagem

De 01 (uma) a 04 (quatro) imagens em alta resolução e que destaque(m) os principais diferenciais da embalagem, como por exemplo:

  • Funcionalidade de abertura e fechamento
  • Montagem e desmontagem
  • Encaixe
  • Detalhes de impressão
  • Formato
  • Pega
  • Empilhamento
  • Otimização de espaço
  • Entre outros

Especificações das fotos

A imagem deve ter no mínimo 1920 pixels em algum dos lados (horizontal ou vertical). O arquivo deve ser um JPG/PNG/WEBP, com não mais que 2.0Mb de tamanho.


Observações importantes
  • Na categoria de Redesign de Embalagens é obrigatório o upload de ao menos uma imagem da embalagem antiga que deve estar devidamente identificada como sendo a antiga.
  • É permitida a inserção de apenas uma imagem de mock-up digital, as demais imagens devem ser fotos reais da embalagem.

VÍDEO
Atenção
  • Deve ser inserido um vídeo que ajude a entender a embalagem, um vídeo explicativo e não uma propaganda.
  • O vídeo de propaganda poderá fazer sentido apenas na categoria Marketing & Branding, do módulo Estratégico, para exemplificar como a embalagem foi utilizada na comunicação do produto.
  • A inclusão do vídeo é opcional.

Vídeo que exemplifique os diferenciais da embalagem, como por exemplo:

  • Facilidade de abertura e fechamento
  • Facilidade de aplicação do produto
  • Detalhes de impressão
  • Detalhes da tampa
  • Dispositivos de segurança
  • Detalhes do design gráfico
  • Encaixe
  • Entre outros

Especificação do vídeo

O vídeo deve ter no mínimo 720 pixels em algum dos lados (horizontal ou vertical). O arquivo deve ser um MP4, com não mais que 10.0Mb de tamanho e até 40 segundos de extensão.


Observação importante

O vídeo pode ser feito com a câmera do celular, não necessitando de nenhuma produção. Ele servirá para auxiliar os jurados na avaliação da embalagem inscrita.



Amostras

Observações importantes

PARA INSCRIÇÃO E PRIMEIRA ETAPA DE JULGAMENTO NÃO É NECESSÁRIO ENVIAR AMOSTRAS DAS EMBALAGENS.

Somente deverão ser enviadas amostras das embalagens que passarem para a segunda etapa de julgamento (Conselho de Jurados). Deverão ser enviadas 02 (duas) amostras de cada embalagem classificada para a segunda etapa de julgamento.

A ABRE COMUNICARÁ, EM TEMPO OPORTUNO, AS EMPRESAS CUJAS EMBALAGENS PASSAREM PARA A SEGUNDA ETAPA DE JULGAMENTO PARA QUE HAJA TEMPO HÁBIL DE ENVIO DESSAS AMOSTRAS.

  • Endereço para envio das amostras:
    Av. Dra. Ruth Cardoso, 4777 / 18º andar – Alto de Pinheiros
    Torre Comercial do Shopping Villa Lobos
    05477-903 – São Paulo/SP
    Aos cuidados de Kika Palhares



b) Procedimentos para inscrição na Categoria Estudantes

A Categoria para Estudantes está aberta a estudantes devidamente matriculados em cursos brasileiros regulares de graduação, pós-graduação, extensão, especialização, entre outros, presencial ou online, das áreas de design, desenho industrial, engenharia de embalagem e afins.

Os projetos de embalagem a serem inscritos não podem ter tido os direitos de propriedade intelectual ou industrial cedidos e nem podem ter sido efetivamente industrializados até a data de inscrição do trabalho.


Ficha de inscrição

É obrigatório o completo preenchimento da ficha de inscrição para cada projeto inscrito, via internet – www.premioabre.org.br.

É necessário anexar à ficha de inscrição um documento que comprove a condição de estudante, como por exemplo, número de matrícula, comprovante de pagamento de mensalidade, carteirinha de estudante, declaração da escola, entre outros.


Mídia a ser enviada junto com ficha de inscrição

Importante!

Quanto mais imagens foram anexadas à ficha de inscrição mais fácil será a avaliação dos jurados, assim como o vídeo, que não é um material obrigatório, mas contribui para o entendimento do projeto e avaliação do júri.

FOTO/IMAGENS para o Julgamento e Galeria de Inovação em Embalagem (que fica no site da ABRE e do Prêmio)
Atenção
  • É obrigatória a inclusão de ao menos uma imagem

De 01 (uma) a 04 (quatro) imagens em alta resolução e que destaque(m) os principais diferenciais da embalagem, como por exemplo:

  • Funcionalidade de abertura e fechamento
  • Montagem e desmontagem
  • Encaixe
  • Detalhes de impressão
  • Formato
  • Pega
  • Empilhamento
  • Otimização de espaço
  • Entre outros
Especificações das fotos

A imagem deve ter no mínimo 1920 pixels em algum dos lados (horizontal ou vertical). O arquivo deve ser um JPG/PNG/WEBP, com não mais que 2.0Mb de tamanho.


VÍDEO
  • A inclusão do vídeo é opcional.

Vídeo que exemplifique os diferenciais da embalagem, como por exemplo:

  • Facilidade de abertura e fechamento
  • Facilidade de aplicação do produto
  • Detalhes de impressão
  • Detalhes da tampa
  • Dispositivos de segurança
  • Detalhes do design gráfico
  • Encaixe
  • Entre outros

Especificação do vídeo

O vídeo deve ter no mínimo 720 pixels em algum dos lados (horizontal ou vertical). O arquivo deve ser um MP4, com não mais que 10.0Mb de tamanho e até 40 segundos de extensão.


Observação importante

O vídeo pode ser feito com a câmera do celular, não necessitando de nenhuma produção. Ele servirá para auxiliar os jurados na avaliação da embalagem inscrita.



Amostras

Observações importantes

PARA INSCRIÇÃO E PRIMEIRA ETAPA DE JULGAMENTO NÃO É NECESSÁRIO ENVIAR O MOCKUP.

O mockup somente deverá ser enviado se o projeto passar para a segunda etapa de julgamento (Conselho de Jurados).

A ABRE COMUNICARÁ, EM TEMPO OPORTUNO, OS CONCORRENTES CUJOS PROJETOS PASSAREM PARA A SEGUNDA ETAPA DE JULGAMENTO PARA QUE HAJA TEMPO HÁBIL DE ENVIO.

  • Endereço para envio dos mockups:
    Av. Dra. Ruth Cardoso, 4777 / 18º andar – Alto de Pinheiros
    Torre Comercial do Shopping Villa Lobos
    05477-903 – São Paulo/SP
    Aos cuidados de Kika Palhares



c) Procedimentos para inscrição na Categoria Embalagem para redução de perdas e desperdício de alimentos

A inscrição na categoria Embalagem para redução de perdas e desperdício de alimentos está vinculada à inscrição de uma ou mais embalagens nas categorias onde podem ser inscritos produtos alimentícios dos Módulos Embalagem e Mercado; Design Gráfico; Design Estrutural e Tecnologia; e Estratégico. São elas:


Módulo Embalagem e Mercado

Categorias

  • Alimentos Doces
  • Alimentos Salgados
  • Food Service, Delivery e Take Away
  • Bebidas não alcoólicas
  • Família de produtos

Módulo Design Gráfico

Categorias

  • Alimentos Doces
  • Alimentos Salgados
  • Bebidas não alcoólicas
  • Família de produtos
  • Redesign de Embalagem

Módulo Design Estrutural e Tecnologia

Categorias

  • Forma
  • Funcionalidade
  • Tecnologia

Ao inscrever uma ou mais embalagens nas categorias acima citadas, o concorrente poderá optar por preencher os campos designados para a defesa dos requisitos que a embalagem(ns) traz(em) na contribuição para reduzir perdas e desperdício de alimentos. Ao preencher esses campos a embalagem estará automática e gratuitamente concorrendo também à categoria Especial Embalagem para redução de perdas e desperdício de alimentos, que será avaliada por um corpo de jurados especialista no tema. Ou seja, ao preencher esses campos a embalagem estará concorrendo à categoria a qual se inscreveu mais à categoria Especial Embalagem para redução de perdas e desperdício de alimentos.




d) Procedimentos para inscrição na categoria Voto Popular

As embalagens regularmente inscritas em qualquer um dos módulos (Embalagem e Mercado | Design Gráfico | Design Estrutural e Tecnologia | Estratégico) concorrerão automática e gratuitamente ao Voto Popular, cuja votação acontecerá via internet, no período de 17 de julho a 27 de agosto de 2023, por meio de site desenvolvido exclusivamente para esse fim.


Especificação da foto para o voto popular
A imagem deve ter exatamente 550 pixels por 550 pixels (quadrada). O arquivo deve ser um JPG/PNG/WEBP, com não mais que 1.0Mb de tamanho.

Atenção: Não insira texto adicional na imagem como legendas ou títulos

Observação: caso haja interesse de mostrar vários ângulos da embalagem, deve-se enviar a imagem com a montagem desejada.



Informações importantes sobre a inscrição

  1. A ficha de inscrição do 23º Prêmio ABRE da Embalagem Brasileira está disponível no site do concurso – www.premioabre.org.br.
  2. É importante explicar com detalhes, na ficha de inscrição, quais são os diferenciais da embalagem.
  3. É fundamental destacar, na ficha de inscrição, quais são os critérios importantes da embalagem em termos de tecnologia, processos, design, funcionalidade, atendimento do consumidor e do mercado. A boa defesa da embalagem tem influência nos resultados do concurso, pois as imagens e vídeo da embalagem, mais a sua defesa, são as ferramentas que os jurados têm para fazer a correta avaliação.
  4. Na ficha de inscrição constam campos para que sejam colocados os nomes e contatos das empresas que participaram do processo de criação / desenvolvimento / produção e fornecedor dos equipamentos da embalagem a ser inscrita. Com essas informações a ABRE tem condições de reconhecer todas as empresas engajadas no projeto. Todas as informações são de responsabilidade da empresa que está preenchendo a ficha de inscrição. A Comissão Organizadora acatará fielmente as informações ali descritas, não se responsabilizando por campos incompletos ou informações erradas.
  5. É expressamente proibido citar, na ficha de inscrição, nos campos destinados à defesa da embalagem e ao detalhamento dos seus atributos o nome de qualquer empresa/agência de design envolvida no processo de criação/desenvolvimento/produção, fornecedor do equipamento da embalagem, ou mesmo o nome da empresa que está efetuando a inscrição, para efeitos de isenção e transparência no processo de julgamento. Só é permitido citar o nome da indústria de bens de consumo (brand owner). A mesma informação é válida para todas as imagens e vídeo incluídos na ficha de inscrição, que também não podem conter a marca, nome ou menção de qualquer empresa ou agência de design, apenas a marca da indústria de bens de consumo. Exceção feita as inscrições efetuadas pela indústria de bens de consumo, que poderá citar na ficha o seu nome.

Observação

A inclusão do nome das empresas citadas acima poderá incorrer no cancelamento da inscrição.

Para as categorias dos módulos | Embalagem e Mercado | Design Gráfico | Design Estrutural e Tecnologia | Estratégico | a taxa de inscrição será de:


Para o Módulo Especial a inscrição é GRATUITA.

Pagamento com cartão de crédito.

Para outras formas de pagamento, dúvidas ou informações, entrar
em contato com Ilka Ribeiro no e-mail financeiro@abre.org.br.

As embalagens inscritas nas categorias dos Módulos Embalagem e Mercado; Design Gráfico; Design Estrutural e Tecnologia; Estratégico e categoria Especial Estudantes serão avaliadas pela Comissão Organizadora, Comissão Julgadora e Conselho de Jurados, tendo como resultado final, por categoria, vencedores:

  • OURO, PRATA e BRONZE
  • Apenas OURO

Premiação

A premiação é dada conforme o atendimento dos critérios de julgamento propostos em cada categoria:

  • Quando uma embalagem atende com excelência a todos os critérios, ela recebe o troféu Ouro.
  • Quando uma embalagem se destacou em sua categoria e perante o mercado, mesmo que não tenha atendido a todos os critérios de julgamento, ela recebe o troféu Prata.
  • E quando uma embalagem trouxe também inovação, se destacou perante sua categoria e mercado, e atendeu parcialmente (50%) aos critérios de julgamento propostos e merece ser premiada, ela recebe o troféu Bronze.
    • Vale, portanto, ressaltar que a premiação é dada conforme o atendimento dos critérios de julgamento propostos a cada categoria.

Composição

  • A Comissão Organizadora é composta pela diretoria e gerência da ABRE.
  • A Comissão Julgadora é composta por profissionais qualificados e escolhidos pela Comissão Organizadora, que deverão atuar com imparcialidade, perícia técnica e compromisso com os objetivos do concurso.
  • O Conselho de Jurados é formado por importantes entidades que enviam profissionais renomados para presidir o corpo de jurados. O Conselho deverá atuar com imparcialidade, perícia técnica e compromisso com os objetivos do concurso.

Etapas

  • As embalagens inscritas serão submetidas a 02 (duas) etapas de avaliação/julgamento, com exceção da categoria Especial Voto Popular:
    • Primeira etapa (online) – classificatória: a Comissão Julgadora julgará as melhores entre as embalagens regularmente inscritas em cada categoria, determinando as 05 (cinco) finalistas.
    • Segunda etapa (presencial) – final: o Conselho de Jurados e os Presidentes do Júri julgarão, entre as 05 (cinco) finalistas, quais serão os vencedores. Cada categoria contará com 01 (um) vencedor OURO, 01 (um) vencedor PRATA e 01 (um) vencedor BRONZE ou apenas 01 (um) vencedor OURO. O Conselho de Jurados e os Presidentes do Júri poderão decidir cancelar uma categoria, caso esta não apresente, de acordo com este Conselho, uma embalagem que mereça receber a premiação.
  • Categoria Especial Voto Popular – A categoria Especial Voto Popular é avaliada pelo público em geral que escolhe a sua embalagem preferida em site específico para essa categoria que contará com apenas uma embalagem vencedora, aquela que atingir o maior número de votos e que será premiada com o troféu Ouro.

Importante

O julgamento da Comissão Organizadora, da Comissão Julgadora e do Conselho de Jurados é soberano e de seus resultados não caberão recursos.


Serão concedidos:

  • Troféu, condizente com a classificação, para os vencedores OURO, PRATA e/ou BRONZE, de cada categoria.
  • Certificado digital, mediante solicitação feita para o e-mail premio@abre.org.br, aos convertedores e às agências de design responsáveis pelo desenvolvimento das embalagens vencedoras nas classificações OURO, PRATA e/ou BRONZE, desde que estas não sejam as empresas vencedoras e que seus nomes e contatos constem da ficha de inscrição no campo para isso designado.

Os resultados serão divulgados em 21 de setembro de 2023 durante cerimônia de premiação.


Todas as embalagens vencedoras do Prêmio ABRE da Embalagem Brasileira têm o direito de utilizar o Selo, que atesta o reconhecimento da ABRE pela excelência das embalagens premiadas.


Critérios para utilização do Selo
  • A embalagem tem que ter sido vencedora em uma das classificações do concurso (OURO, PRATA ou BRONZE), de uma das categorias dos cinco módulos do Prêmio ABRE.
  • O Selo é atemporal, portanto, empresas que venceram em edições anteriores do Prêmio ABRE têm o direito de aplicá-lo exclusivamente na embalagem vencedora, na versão premiada, em qualquer momento.
  • A ABRE fornecerá à empresa que teve sua embalagem premiada no concurso o arquivo do Selo em alta resolução (arquivo em curvas no formato Illustrator ou CorelDraw) .
  • A responsabilidade de aplicação do Selo é da empresa que venceu o Prêmio ABRE e/ou dos envolvidos na criação/desenvolvimento/produção da embalagem premiada.

Importante

A aplicação do Selo é uma excelente oportunidade para que a embalagem ganhe destaque na gôndola tendo como aval a marca de um produto forte e consolidado no mercado, o Prêmio ABRE da Embalagem Brasileira.

A utilização do Selo valorizará ainda mais as embalagens premiadas.


  1. A inscrição somente será considerada válida se efetivada de acordo com este regulamento.
  2. Nas categorias dos módulos Embalagem e Mercado; Design Gráfico; Design Estrutural e Tecnologia; e Estratégico, duas empresas distintas que desenvolveram juntas uma embalagem poderão fazer a inscrição desta conjuntamente no Prêmio ABRE. Neste caso será paga uma única taxa de inscrição. Se a embalagem for vencedora será entregue apenas um troféu, constando na identificação do troféu o nome de ambas as empresas, conforme especificado na Ficha de Inscrição. No caso de inscrição conjunta existe a possibilidade de solicitar troféu e certificado adicionais, idênticos ao original, entretanto, para isso haverá um custo.
  3. O pagamento da taxa de inscrição para concorrer ao Prêmio ABRE não confere o direito a participar da Cerimônia de Premiação. O convite para a Cerimônia deverá ser adquirido em separado, no momento oportuno.
  4. A taxa de inscrição será paga por inscrição de embalagem.
  5. A quantidade mínima de inscrições para compor uma categoria é de 03 (três) embalagens. Caso alguma das categorias do Prêmio ABRE tenha apenas 01(uma) ou 02(duas) embalagens inscritas, a Comissão Organizadora poderá unificá-la à outra categoria ou excluí-la, sem necessidade de comunicar a empresa que efetuou as inscrições.
  6. Uma embalagem que esteja concorrendo a duas ou mais categorias aparecerá com apenas uma imagem no ambiente de votação da categoria Voto Popular do Módulo Especial e será usada a imagem da inscrição feita com data mais antiga ou a que esteja com melhor resolução.
  7. As empresas citadas como parceiras nas inscrições das embalagens vencedoras poderão solicitar uma ou mais réplicas do troféu. Importante reforçar que por ser uma réplica nenhuma informação poderá ser alterada, incluída e/ou excluída da gravação do troféu. A réplica poderá ser fornecida mediante pagamento da peça. O valor da réplica será comunicado em momento oportuno.
  8. Caso o Júri entenda que nenhuma das embalagens inscritas em determinada categoria merece a premiação, esta categoria será eliminada e o valor da taxa de inscrição não será devolvido e não existe obrigatoriedade de aviso prévio à empresa concorrente.
  9. A taxa de inscrição não será reembolsada, a exemplo de desistência, inscrição irregular, feita a destempo, entre outros.
  10. A Comissão Organizadora, a Comissão Julgadora e o Conselho de Jurados se reservam o direito de alterar a categoria sob a qual a embalagem está inscrita, caso entendam que o trabalho inscrito não esteja adequado à categoria da inscrição original, sem necessidade de comunicar a empresa que efetuou as inscrições.
  11. Cada embalagem poderá concorrer a diferentes categorias. Será considerada como 01 (uma) inscrição individual cada categoria em que a embalagem conste.
    Obs: Não será permitido que 02(duas) empresas concorram na mesma categoria com inscrições idênticas. Por exemplo, se uma empresa fez a inscrição de um frasco de perfume, outra empresa não poderá fazer a inscrição desse mesmo frasco e nesse caso valerá a inscrição com data mais antiga. Caso a empresa que fez a inscrição depois for responsável por um outro componente da embalagem, como por exemplo, a tampa, nesse caso as 02(duas) inscrições serão válidas e no caso da embalagem ser vencedora ambas receberão o troféu.
  12. O número de inscrições por participante é ilimitado.
  13. A inscrição regular no Prêmio ABRE implicará automaticamente na cessão expressa e incondicional do participante à ABRE quanto à utilização de seu nome, embalagem, case/descrição dos atributos, imagens que compõem a inscrição da embalagem ou projeto inscrito no Prêmio ABRE. Estes poderão ser veiculados sem limitação de tempo e espaço por qualquer meio de comunicação, inclusive eletrônico, os quais serão utilizados, para divulgação do concurso, da ABRE, dos vencedores, da evolução da embalagem brasileira, entre outros.
  14. Os resultados do Prêmio ABRE serão divulgados apenas no dia da Cerimônia de Premiação.
  15. As amostras de embalagem enviadas para a segunda etapa de julgamento do Prêmio ABRE não serão devolvidas, independentemente de terem sido vencedoras ou não.
  16. Ao se inscrever no concurso o participante estará aceitando incondicionalmente as regras contidas neste regulamento, as decisões da Comissão Organizadora, da Comissão Julgadora e do Conselho do Jurados, comprometendo-se a honrar e a respeitar todos os demais participantes, seus trabalhos e os objetivos deste regulamento.
  17. O participante se responsabilizará civil e criminalmente pelas declarações e informações apresentadas na Ficha de Inscrição, inclusive com relação aos direitos de propriedade intelectual e industrial da embalagem inscrita.
  18. Os casos omissos serão tratados e decididos pela Comissão Organizadora.












ANTERIORES

Confira os vencedores das outras edições e fotos da cerimônia

2022

2021

2020

2019

2018

2017

2016

2015

2014

2013

2012

















SIGA A ABRE  
#comente  #curta  #compartilhe